"Confiança"



Exercer a “fé” é acreditar em si mesmo, fé é acreditar no próprio potencial.




Se fingir de coitado, dizer que é um derrotado, é coisa para o irracional.



Levante- se renove as tuas forças, as tire de dentro do teu ser, manifeste o deus que existe em você.



Você já recebeu as ferramentas, agora vá trabalhar pare de ficar esperando por alguém que não vem.

8 Response to ""Confiança""

  1. Eduardo Medeiros says:
    10 de setembro de 2010 13:23

    Jair, meu irmãozinho, que saudade!!!! Que bom que parece que você voltou. E voltou já mandando muito bem com uma mensagem forte e verdadeira. Muitos colocam em Deus sua fé exatamente por não terem fé em si mesmos. Melhor seria que antes de terem fé em Deus, tenham fé em si mesmo.

    Seja bem-vindo, um grande abraço

  2. Gresder Sil says:
    10 de setembro de 2010 17:19

    Nossa que poema mais “grosso” rsrs

    Quanta delicadeza a sua em!?

    Porque tu não disseste logo aos ajoelhados: levante logo e vão trabalhar vagabundos kkkkk

    Ou mas santamente: vai ter com a formiga ô religiosos

  3. Marcio Alves says:
    11 de setembro de 2010 14:32

    JAIR

    Seu poema pode ser sintetizado em:
    "Vivamos uma vida na pratica ateia, mas com a alma em deus".

    Abraços e que bom que voltou........

  4. Jair dos Santos says:
    11 de setembro de 2010 18:23

    Queridos amigos:

    Edu; Gresder e Marcio.

    No que considero um dos momentos mais dificeis da minha vida, ouvi o meu interior me dizer: "Levante-se vá a luta, faça o que tem ser feito." "TRABALHE."

    Obrigado a todos e um forte abraço.

  5. Eduardo Medeiros says:
    11 de setembro de 2010 18:56

    Jair, espero que você compartilhe conosco suas experiências de vida nesses momentos difíceis que você passou e que todos nós com certeza se não passamos, vamos passar. Volta logo para a Confraria!!

  6. Jair dos Santos says:
    11 de setembro de 2010 20:47

    Dudu;

    Sinto muita saudade de vcs, sempre que possivel estarei visitando cada blog dos confraternos. Falta um pouco de tempo, tenho utilizado o computador do meu trabalho, então tenho que ser rapido.

    Nos momentos de dificuldade é que se tem inspiração para escrever.

    "A Rosa vermelha estando ferida, é que exala o seu odor."

  7. Paulinha says:
    15 de setembro de 2010 21:44

    Meu amado irmão JAIR, tu não sabe a alegria que senti ao ver uma nova postagem sua...

    Devo te lembrar que a alma de um poeta jamais morre, se nele está inserido o dom de ver em cada detalhe da vida, um verso de poesia....

    A vida é dura, traiçoeira...mas é na fraqueza que percebemos o quanto somos fortes ...

    Que vivamos a vida...o resto é resto...

    A fé nos basta, quando conseguimos aplicá-la em todas as coisas que vamos fazer....e através dela, conseguimos acreditar que tudo dará certo....mesmo que não dê certo!

    Beijos meu amigo...esperamos sempre por ti.

    Para qualquer coisa, saiba que tens mais um ombro amigo aqui.

  8. Jair dos Santos says:
    16 de setembro de 2010 01:19

    Querida amiga Paulnha, muito obrigado pelo carinho e consideração...amigos são para sempre e são guardados no fundo do coração...

    Forte abraço.

Postar um comentário